Sábado, 29 de Agosto de 2009

E se a Carolina Patrocínio comesse tabaibos?

Pois é... Pobre empregada (Vejam o Movimento de Apoio à Empregada de Carolina Patrocínio no Facebook)! Já viram o que era tirar TODOS os caroços dos tabaibos, após descascados?... Meu Deus (e eu não sou católica).




Para quem não sabe o que são tabaibeiras, que dão tabaibos como frutos, aqui vai um resumo. É um arbusto que dura muitos anos e atinge pouco mais que 1,5 m de altura. É espinhoso, suculento e produz um fruto comestível chamado tabaibo que tem uma coloração verde/amarelada. O tronco verde é composto por caules mais ou menos ovais e espalmados. As flores alaranjadas, crescem no sentido ascendente, são semelhantes a um copo e têm cerca de 6 cm. A Tabaibeira – Opuntia tuna – também conhecida como Figueira-da-índia, é uma espécie que se adapta bem a locais secos, nomeadamente os picos a Sul da Ilha da Madeira, mas que precisa de água para que os seus frutos se desenvolvam. Originária da Jamaica, produz um dos frutos mais procurados no Verão na Madeira, visto que são muito suculentos e refrescantes, sendo o seu sabor realçado depois de uma “breve” passagem pelo frigorífico. A sua época de floração vai desde Maio a Setembro. NOTA: Os frutos são quase completamente constituídos por "caroços" bastante comestíveis, por sinal.

 

Vejam abaixo a brilhante prestação da mandatária da juventude do partido do Governo. É assim que os jovens do PS querem ser quando forem grandes?... A rapariga já me irritava profundamente, e sem nenhuma razão aparente. Agora está explicado. Era o meu sexto sentido a funcionar. É que para além de escravizar a empregada, prefere fazer batota a perder e não gosta nada nada de passar despercebida... Meu Deus (sim, disse outra vez).

 

 

sinto-me:
melodia: Stupid Girl - Garbage
publicado por LadyArwen às 16:26

link do post | Comentar | Adicionar
Sexta-feira, 28 de Agosto de 2009

11:11

 

De há algumas semanas para cá, todos os dias vejo, sem mais nem menos, a hora 11:11. Estou muito tempo sem ver que horas são, mas basta-me olhar para o telemóvel ou para o relógio do computador e pronto, marca essa hora. Por vezes, o mesmo acontece às 22:22.

 

Comecei a me questionar porque raio é que estaria sempre a ver esses números. É que torna-se tão frequente que desafia qualquer probabilidade estatística. Decidi fazer uma pesquisa e encontrei algumas possíveis explicações.

 

Pelos vistos, esta experiência de sincronia está a ser compartilhada por milhares de pessoas no planeta neste período de transição pelo qual estamos a passar. E basta olhar à nossa volta para ver que as coisas estão a mudar a um ritmo cada vez mais rápido e intenso.

Segundo li, quando experienciamos muitos 11:11 num certo momento, tal como ver estes números num relógio digital, num endereço, ou até numa matrícula de automóvel à nossa frente, estes números são os portais ou pilares que nos permitem aceder a uma vibração superior que nos ajuda a evoluir. Também podem ser um sinal de que estamos no caminho certo, seja lá do que for...

11:11 é, supostamente, uma sequência numérica de activação que simboliza o despertar espiritual do ser humano e o enfrentar as mudanças relacionadas com o assumir de novas posturas individuais que ajudam a escolher uma postura de unidade com os nossos semelhantes em detrimento do ego. A chave 11:11 enfrenta o nosso ego contra nós mesmos, envolve mudanças a nível emocional, compreensão espiritual e, finalmente, solidariedade, irmandade, transcendência e, principalmente, ascensão.
 

O portal 11:11 contém uma mensagem explícita relacionada com uma série de acontecimentos e protagonistas que estão destinados a mudar a consciência dos habitantes do planeta Terra. O propósito destas mudanças não é outro senão: que a humanidade cresça e evolua a um nível superior de consciência para que todos tenhamos direito a um mundo melhor em todos os aspectos. O 11, portanto, é o número mestre que simboliza a maestria e o crescimento espiritual de toda a Humanidade.

Quando olhamos o relógio e vemos que são 11:11, é o nosso próprio progresso espiritual que torna possível essa manifestação, que simplesmente nos liga a outras realidades intra-dimensionais. Em síntese, é nosso próprio Ser Superior que nos diz: "Detenha-se e olhe o relógio porque chegou a altura de avançar e evoluir".


Curiosamente, isto coincidiu com uma fase de mudança pessoal. E também numa fase de auto-questionamento de várias áreas da minha vida. Tornei-me até (e ainda) mais filosófica...


Fica ao vosso critério. Será mera coincidência? Já vos aconteceu? Será um sinal de mudança, de evolução? Será um sinal para despertar?... Seja lá o que for, é muito curioso. E seja lá como for, só sei que não me vou acomodar e irei sempre lutar por aquilo que quero e no que acredito. No matter what.

sinto-me:
melodia: Sleepsong - Secret Garden
publicado por LadyArwen às 16:57

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar
Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009

Earth song

Nunca fui propriamente fã do Michael Jackson (R.I.P.), mas há uma música/vídeo que me marcou pela forte mensagem que transmite. Fica aqui o vídeo.

 

sinto-me:
melodia: Earth song - Michael Jackson
publicado por LadyArwen às 14:45

link do post | Comentar | Adicionar

O mar fala de ti

Simplesmente mágica...

 

sinto-me:
melodia: O mar fala de ti - Mafalda Arnauth
publicado por LadyArwen às 14:17

link do post | Comentar | Adicionar
Quarta-feira, 19 de Agosto de 2009

Eles falam falam...

 

Um clássico, dedicado à maioria dos políticos e políticas por eles postas em prática neste "maravilhoso" País à beira-mar plantado...

 

sinto-me:
publicado por LadyArwen às 16:45

link do post | Comentar | Adicionar

Cor(es) da Aura

 

Alguém perguntou como saber as cores da aura? Bem, encontrei um teste, no seguinte link http://www.auracolors.com/personal-quiz-auracolors.html. Não sei, tal como acontece no teste de índigo, se os resultados são fiáveis.

 

NOTA: O site está integralmente em inglês. Depois de fazer o teste, temos acesso a detalhes pormenorizados das cores da aura.

 

Acabei de fazer (pela segunda vez) o teste e obtive os seguintes resultados:

 

 

Mais uma vez, a cor índigo é (supostamente) dominante na minha aura, e tenho grande influência do violeta, cristal e azul.

 

Divirtam-se e tirem as suas próprias conclusões!

 

sinto-me:
publicado por LadyArwen às 15:38

link do post | Comentar | Adicionar

Momento musical...

Deixo-vos uma música duma das minhas bandas favoritas, os Nightwish (do tempo da Tarja). A versão duma das melhores músicas de sempre. Fenomenal, pelo menos para quem aprecia o género...

 

sinto-me:
melodia: The Phantom of the Opera - Nightwish
publicado por LadyArwen às 15:04

link do post | Comentar | Adicionar
Terça-feira, 18 de Agosto de 2009

Onde pára a Liberdade?

 

 

Após longos meses de ausência, decidi rabiscar aqui novamente e deixar-vos uma reflexão. Nem sei bem porquê este "click" para regressar. Talvez seja o meu lado "índigo" a se mexer?

 

 

 

A Liberdade. O que será mais importante? Algo que caminha junto com a felicidade. Sem ela, nunca seremos felizes por completo. De que serve a vida sem liberdade? Aquela sensação de leveza, de bem-estar, de consciência limpa... Sempre com a responsabilidade e noção de que a nossa liberdade termina onde a do outro começa.

Hoje somos todos prisioneiros. De valores que nos colocaram às costas, que carregamos por gerações. De tarefas que nos impõem diariamente. De exigências que nos fazem em todo o lado. Hoje somos prisioneiros porque vivemos dependentes de bens materiais, porque a Humanidade está alicerçada no dinheiro, porque sem dinheiro não há pão... Mas será que o dinheiro compra felicidade?

Temos que ter a coragem de cortar as amarras, deixar de viver confinados entre quatro paredes a fazer o que nos mandam fazer. Vale a pena viver uma vida em função do que os outros querem e pensam? Isso é felicidade?

Alguns, senão a maioria, prefere colocar uns óculos cor-de-rosa
e tentar superficializar o dia-a-dia. Tentar aligeirar o que, a longo prazo, torna-se num cancro que nos suga a energia e que nos rouba a realização pessoal. Mas quem se arrisca a perder tudo pela liberdade?

...Mas... o que é que possuímos hoje em dia? O que é que realmente temos, afinal de contas? Onde pára a nossa liberdade?...

Espero impacientemente por uma mudança de valores no Mundo inteiro. E sonho um dia ser dona da minha liberdade.

sinto-me:
melodia: On the turning away (Pink Floyd)
publicado por LadyArwen às 12:46

link do post | Comentar | Adicionar

.Pesquisar neste blog

 
QUEM SOU: Joana Martins

ASTROLOGIA: Aquário com ascendente em Caranguejo

COMO SOU: Irreverente, obstinada, polémica, mas ao mesmo tempo calma, pacífica, sonhadora...

SUMÁRIO: Uma idealista que gostaria de viver num mundo muito diferente

.A Lady Arwen...

.Posts recentes

. Momento musical...

. A comédia nas Eleições Le...

. Momento musical...

. A calmaria do Sol: bonanç...

. O número 9 e a data 9/09/...

. E se a Carolina Patrocíni...

. 11:11

. Earth song

. O mar fala de ti

. Eles falam falam...

.Biblioteca da elfa

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Dezembro 2008

. Maio 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

.Os meus links


visitantes online

Free Site Counters
hit Counter