Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

Escravos do tempo

 

"Não tenhas planos para a vida para não estragares os planos que a vida tem para ti".

Agostinho da Silva

... E é isso mesmo. Muitas vezes, preocupamo-nos com o futuro e vivemos presos ao passado. Muitas vezes, não vivemos o presente, que é o mais importante, porque é no presente que corrigimos os erros do passado e é no presente que construimos o futuro. Ao viver o futuro, ao planeá-lo, esquecemo-nos do factor imprevisibilidade. Esquecemo-nos que o futuro nunca depende apenas de nós. Esquecemo-nos de que as nossas escolhas, feitas agora, no presente, e feitas no passado é que vão afectar o futuro.

 

Por vezes, sofremos com antecipação, julgamos precipitadamente, sentimos o que não está a acontecer agora. Isto é mau, porque gastamos a nossa vida a antecipar e não a viver. Cria obstáculos à nossa felicidade, bloqueios que impedem o nosso ser de fluir livremente.


E quando falo de futuro, falo no futuro pessoal de cada um, na vida de cada um. Não falo do futuro da Terra, do Universo, etc., porque aí temos que ser humildes: não depende exclusivamente de nós; depende em parte das nossas atitudes e escolhas do presente, mas não mais do que isso. O que tiver que ser, será. E as projecções deverão servir para alertar, não para "dramatizar" e sofrer antecipadamente.

 

Sim, é bom fazer projecções de vez em quando - eu adoro fazê-las. É bom analisar as possíveis consequências de algo. É bom sonhar e imaginar como seria se as coisas fossem mais assim ou mais assado. Mas também é saudável manter um distanciamento emocional das projecções e deixar que as coisas aconteçam como têm que acontecer.


Ainda não cheguei lá... Ainda sinto-me presa pelo tempo. Mas já fiz progressos, ao longo das minhas vivências. E quero progredir muito mais, libertar-me e sentir-me como parte de algo maior que me ultrapassa. Não quero controlar o tempo que tenho... quero vivê-lo, enriquecer o presente com experiências, deixar o passado para trás e enfrentar o futuro à medida que este se desenrole no presente.

publicado por LadyArwen às 11:51

link do post | Comentar | Adicionar
1 comentário:
De IMPERATRIX a 8 de Fevereiro de 2008 às 15:35
Soberbo, maravilhoso. Obrigada por esta reflexão. Estou com lágrimas nos olhos. Nem imaginas o quanto estas palavras me estão a ajudar agora. Um beijinho muito grande para ti. Ass. Mônica

Comentar post

.Pesquisar neste blog

 
QUEM SOU: Joana Martins

ASTROLOGIA: Aquário com ascendente em Caranguejo

COMO SOU: Irreverente, obstinada, polémica, mas ao mesmo tempo calma, pacífica, sonhadora...

SUMÁRIO: Uma idealista que gostaria de viver num mundo muito diferente

.A Lady Arwen...

.Posts recentes

. Momento musical...

. A comédia nas Eleições Le...

. Momento musical...

. A calmaria do Sol: bonanç...

. O número 9 e a data 9/09/...

. E se a Carolina Patrocíni...

. 11:11

. Earth song

. O mar fala de ti

. Eles falam falam...

.Biblioteca da elfa

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Dezembro 2008

. Maio 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

.Os meus links


visitantes online

Free Site Counters
hit Counter